Atendimento: Seg - Sex | 09:00-18:00
Email: contato@kardan.com.br Envie uma mensagem: (47) 99971-5155

Atualmente é quase impossível encontrar um negócio que não use o WhatsApp para se posicionar virtualmente. O atendimento e relacionamento com os clientes são apenas algumas das atividades do dia que passaram a ser feitas por meio do aplicativo. Os grupos no WhatsApp para o marketing das clínicas, por exemplo, se tornaram uma ferramenta essencial para expandir e conseguir atender toda a demanda de leads e pacientes em um único lugar. É aí que muitas dessas instituições erram.

Na hora de optar por fazer uma comunidade nessa rede social, as empresas precisam planejar sua atuação e entender qual o foco da tática, para não desviar os resultados pretendidos. Então, qual é a melhor forma de utilizar os grupos? Descubra neste post!

 

Por que criar um grupo no WhatsApp para sua clínica?

Em 2020, o WhatsApp atingiu a marca de 2 bilhões de usuários em todo mundo. Isso porque a plataforma oferece mais proximidade entre as pessoas, que trocam mensagens o dia inteiro.

Muitos profissionais da saúde já têm conhecimento para essa realidade e, embora não tenha como criar anúncios pagos para obter um alcance maior, há outra vantagem: estabelecer um vínculo com os clientes de forma rápida.

Um grupo de marketing para sua clínica tem esse propósito. Isso porque há possibilidade de conversar com seus leads e pacientes mediante uma comunicação informal e que desperte a sensação de comunidade, para que se sintam mais próximos e procurem futuramente pelos serviços.

 

Como utilizar os grupos no WhatsApp para o marketing da sua clínica?

No marketing médico, o Conselho Federal de Medicina aprova conversas individuais e em grupo, desde que sejam respeitadas algumas normas em questões de sigilo médico. Isso significa que é necessário manter o diálogo em cunho informativo e educativo, não podendo ser debatidos assuntos de diagnósticos e tratamentos restritos a médicos.

Por isso, faça grupos com seus leads e pacientes para informar novidades da clínica. Informe mudança de horário, novos serviços, o que está acontecendo no ambiente de trabalho. Tudo que for relevante, ou quaisquer avisos importantes.

Além disso, é possível usar essa função para enviar materiais ricos. Ou seja, enviar ebooks, vídeos ou outros arquivos para quem estiver interessado nos assuntos da sua especialidade. Por exemplo, uma clínica oftalmológica pode dar dicas diárias ou comunicar o lançamento de e-books, artigos ou outros conteúdos informativos sobre determinada doença ou tratamento que aquele conjunto de contatos quer ou precisa saber.

Isso sem mencionar que é possível aproveitar as inúmeras dúvidas dos usuários para criar conteúdos nas suas redes sociais e blog, e assim entregar justamente o que o público precisa e deseja naquele momento.

 


 

4 dicas para usar o WhatsApp para marketing na sua clínica

Os grupos são, de fato, benefícios para as instituições, mas existem algumas boas práticas para operar esse espaço de maneira estratégia, para atrair e fidelizar os clientes. Algumas dessas dicas são:

  1. Peça autorização

Nenhum individuo gosta de receber mensagens de negócios no meio do seu dia, sem um pedido de autorização antecipado. Essas ações de marketing não têm mais chances de darem certo e sua clínica pode até mesmo ser bloqueada, caso incomode ou não ofereça algo valioso.

Por isso, antes de criar a sua comunidade, procure perguntar se os pacientes ou leads gostariam de participar e peça o consentimento deles. Além desse motivo, também há a LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados), que entrará em vigor em 2021, e prevê que as empresas não podem usar as informações pessoais dos clientes sem seu consentimento.
 

  1. Preste atenção nos Termos de Uso do aplicativo

O WhatsApp cita em sua política de privacidade que podem ser trocadas mensagens comerciais. Tais mensagens podem ser sobre atualizações de produtos e serviços, transações, pedidos, agendamentos e SAC. Podem ser ainda sobre notificações de envio ou entrega e outras atividades desse cunho. Em seguida, a plataforma ressalta que não é permitido enviar spam, portanto, fique atento.
 

  1. Tenha um objetivo

Apenas criar um grupo por tê-lo, não é o suficiente. É necessário, sobretudo, que seja segmentado e tenha um foco para discutir sobre temas específicos. Por exemplo, uma clínica de dentistas deve criar um ambiente para pacientes interessados em informações e conteúdo desse nicho.
 

  1. Não deixe de engajar

Já que o criador é o negócio, é essencial e de responsabilidade do próprio, de manter os contatos ativos por meio de conteúdos, fomentação de discussões, interação em conversas etc. É muito comum que o foco seja desvirtuado se não houver essa moderação e envolvimento.

Os grupos no WhatsApp para o marketing da sua clínica são uma ferramenta poderosa nas mãos de quem tem uma visão estratégica. Aproveite o que o aplicativo pode fazer de melhor pela sua instituição e obtenha bons resultados, focando no crescimento empresarial.

Quer ir além e saber sobre como ter mais vantagem com a plataforma? Então saiba como utilizar o WhatsApp como estratégia de marketing e tenha um planejamento completo.

 

:: Últimos posts

LGPD para clínicas de Cardiologia
Adequação LGPD para clínicas de Cardiologia
26 de outubro de 2020
LGPD para clínicas de ortopedia
Adequação LGPD para clínicas de ortopedia
23 de outubro de 2020
médico particular precisa ter um site
Um médico particular precisa ter um site na internet
19 de outubro de 2020
LGPD para clínicas de radiografia
Adequação LGPD para clínicas de radiografia
16 de outubro de 2020
site médico pode garantir a agenda cheia
Um site médico pode garantir a agenda cheia todo mês
12 de outubro de 2020

Receba dicas exclusivas

Assine nosso boletim e receba dicas exclusivas e informações úteis sobre marketing médico:
Open chat
Olá,
Como podemos lhe ajudar? Se quiser falar conosco via whatsapp, clique no botão abaixo e envie-nos uma mensagem.